Marconi pode surpreender e ser candidato a deputado federal

0

Nos bastidores da política goiana especialistas afirmam a dificuldade da base aliada em formar a chapa majoritária para as eleições de 2018, compondo na disputa para o senado federal, Lúcia Vânia (PSB) e Demóstenes Torres (PTB). Na compreensão de que uma vaga já seria de Marconi Perillo (PSDB).

No entanto, existe um possível acordo de que Marconi pode disputar à Câmara Federal. Como pré-candidato a deputado federal, poderá negociar melhor as vagas para o senado, fortalecendo a chapa de Zé Eliton (PSDB), e obviamente, seria eleito com maior conforto.
Marconi Perillo seria um dos deputados federais mais bem votados em Goiás, devido a sua base eleitoral forte e consolidada, podendo eleger ainda outros deputados de sua chapa.

Como candidato a senador, Marconi poderia vivenciar uma dificuldade na eleição, caso a chapa de Ronaldo Caiado (DEM) continue em crescimento e vantagem eleitoral. Esse é um risco já sentido pelo atual prefeito Iris Rezende (MDB), em 2002, considerado imbatível, perdeu a eleição a senador, quando as vagas foram conquistadas por Demóstenes e Lúcia Vânia.

Outro aspecto que favorece a eleição de Perillo à deputado federal, seria a possível articulação do tucano a nível nacional para, caso eleito, ser o presidente da Câmara Federal. Ou seja, como senador, seria apenas mais um dentre os caciques da velha política. Agora, como deputado federal, além de bem votado, pode negociar e ser presidente daquele poder, aspirando no futuro, com visibilidade, ao cargo de Presidente da República.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui