Gomide responde críticas de Roberto Naves e diz que prefeito irá ser julgado nas urnas

57O atual prefeito de Anápolis, Roberto Naves (PTB), durante visita do CAIS Progresso para assinatura da ordem de serviço para reforma e ampliação da unidade, fez críticas à gestão do ex-prefeito Antônio Gomide (PT), atribuindo os avanços na saúde aos anapolinos que expulsaram os “petistas do poder”.

Em entrevista ao Jornal A Hora, o ex-prefeito e deputado estadual Antônio Gomide, afirma ter entregue todas as unidades de saúde em pleno funcionamento. “Eu já não sou o prefeito a cinco anos. Foi ele [Roberto Naves] que fechou o CAIS Progresso para só depois de oito meses dar a ordem de serviço. Se quisesse fechar uma unidade que fizesse uma licitação para dar início a obra. Agora fechou, deixou oito meses depredando para depois fazer licitação e entregar daqui um ano ainda”.

Para Gomide, a prática do atual prefeito é apenas eleitoreira. “Na verdade, não está preocupado com a saúde da população. Mas com a questão eleitoreira. Espera o ano que vem ao invés de ficar falando de outras pessoas. A população vai falar o que pensa da administração dele. Ele [Roberto Naves] vai ser julgado nas urnas”.

Ainda durante visita no CAIS Progresso, Roberto afirmou o povo deu cartão vermelho fazendo alusão à gestão anterior do petista Gomide. Para o deputado, isso é uma inverdade. “Eu disputei duas eleições para prefeito e ganhei as duas. Fui o vereador mais bem votado do Brasil, proporcionalmente. E, recentemente, fui eleito deputado estadual mais bem votado da história de Anápolis”.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui