Em viagem à China, Gustavo Mendanha participa de congresso de tecnologia e conhece instalações da Huawei

Prefeito embarcou para o país na última quinta-feira, 12, a convite dos executivos da empresa de tecnologia chinesa que é uma das maiores fornecedoras de tecnologia do mundo

O município de Aparecida tem aplicado investimentos em tecnologia e inovação para se tornar referência em gestão pública no uso de soluções urbanas inteligentes. O projeto Cidade Inteligente, que está em sua primeira fase de execução, ganhou três prêmios nacionais e um internacional e pretende fazer de Aparecida vitrine do país com a implantação de recursos tecnológicos para cidadãos inteligentes.

Por conta deste destaque, o prefeito Gustavo Mendanha foi convidado pelos executivos da Huawei Technologies Co. Ltd, para conhecer as instalações da empresa de tecnologia e equipamentos para redes e telecomunicações. “A viagem está sendo bastante positiva no âmbito de conhecer as tecnologias mundiais e em fazer parcerias levando essa tecnologia para Aparecida de Goiânia, tornando nossa cidade mais competitiva e inteligente”.

O gestor municipal também participa do congresso anual da Huawei, onde apresentam as novidades em tecnologia e avanços da indústria, o Huawei Connect 2019, realizado em Xangai de 18 a 20 de setembro. Segundo informações divulgadas pela empresa chinesa, a conferência deste ano tem como tema “Inteligência Avançada” e tem como objetivo estabelecer um ambiente aberto, cooperativo e plataforma compartilhada para clientes e parceiros para explorar novas oportunidades para um futuro inteligente.

Cidade Inteligente – O projeto prevê a implantação de uma rede de fibra ótica de alta velocidade e alta largura de banda larga em todos os prédios públicos municipais com custo operacional reduzido. Esse sistema ampliará a capacidade de comunicação interna entre os órgãos da administração pública, agilizando a realização de processos e atendimento eficiente aos cidadãos.

O projeto também consiste na elaboração de modelos de planejamento e regulação urbana, ampliação de cursos profissionalizantes e de capacitação para diversas atividades produtivas, com foco no empreendedorismo, desenvolvimento de habilidades e outras competências.

O ‘Cidade Inteligente’ prevê ainda a criação de redes que irão possibilitar o acesso gratuito à internet em aparelhos públicos, criação de minigames educacionais e informacionais, ampliação do sistema de videomonitoramento da cidade com aumento do número de câmeras e adoção de softwares de reconhecimento de padrões com, se necessário, utilização de drones e robôs.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui