Santa Casa de Misericórdia de Goiânia vai a Brasília em busca de alternativas financeiras

Em busca de medidas para refinanciar as dívidas e dar fôlego financeiro à Santa Casa de Misericórdia de Goiânia, os representantes da instituição, Iraní Ribeiro, superintendente geral, e Irondes José de Morais, superintendente administrativo, participaram de um encontro no Palácio do Planalto, em Brasília, na manhã desta quinta-feira (13), onde foi anunciado a realização de um programa de financiamento do Banco Nacional do Desenvolvimento Social (BNDES) com juros módicos para hospitais filantrópicos, como as Santas Casas, autorizado pelo presidente  da República, Jair Bolsonaro, com a presença do ministro da Economia, Paulo Guedes e o ministro da Saúde, Luiz Henrique Mandetta e do presidente do BNDES Joaquim Levy.

“A concessão desse financiamento é importante para a reestruturação financeira de uma das instituições mais importantes para todo o Estado, proporcionando recursos para acertar com os fornecedores e instituições financeiras. Essa gestão tem buscado oferecer aos pacientes tratamento humanizado e de excelência, isso perpassa por equipamentos modernos e condições de trabalho para o corpo clínico”, explica a superintendente geral.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor informe seu nome aqui